"

Setup Menus in Admin Panel

Inbound Marketing Brasil

O Uso das Mídias Sociais nas Empresas Brasileiras

Como utilizar a mídia social para gerar negócios, reconhecimento e brand.

midiassociais2010

De acordo com  pesquisa realizada e divulgada pela Deloite , através de Fábio Cipriani 70% das empresas brasileiras utilizam ou monitoram as mídias sociais de alguma maneira.

 

Segundo a pesquisa, temos alguns dados :

Iniciativas mais exploradas :

 

83%  – divulgacao de produtos e servicos

46%   – vendas e captura de leads

25%   –  identificacao de talentos

17%    – desenvolvimento de produtos

Principais barreiras:

 

53%   – dificuldades para medir os benefícios

45%   – desconhecimento do assunto

32%   – preocupação com segurança

16%   – falta de aprovação de superiores

E o que esses resultados indicam?

Bom, na minha opinião os números são bem reveladores e mostram escancaradamente que a grande maioria das empresas brasileiras ainda não entendeu que o ambiente de negócios pela internet mudou sensívelmente nos últimos 5 anos e que principalmente, a mudança no comportamento dos consumidores. E é aí que entramos com as técnicas de Inbound Marketing.

Inbound Marketing é sobre ser encontrado usando o Google, os blogs e as mídias sociais. E neste caso específico, a grande maioria das empresas ainda percebe as mídias sociais como mais uma extensão em seus canais de venda, e consequentemente acabam mantendo o mesmo discurso usado em seus outros canais, como divulgação de produtos e serviços, vendas, promoções, brand, entre outras.

Só que é justamente esse discurso TUDO aquilo que os usuários de mídias sociais não estão querendo nem ouvir falar. Mídia Social não é lugar de vender nada. É lugar de compartilhar, de ouvir, de doar sem esperar retorno.

Na mídia social, as pessoas esperam ser ajudadas por aqueles de pertencem ao mesmo grupo, quer seja com exemplos, sugestões, dicas, resolução de problemas, pesquisas, opiniões, buscas, etc…É uma nova era em que devemos estar atentos ao que falam de nós e não ao que falamos.

Nesta nova era, o que se espera de uma empresa que venha a participar das mídias sociais é que ela comporte-se como um membro da comunidade: compartilhando, ajudando, ensinando, sendo útil à sua comunidade e sendo assim, estabelecer relacionamentos reais e duradouros com seu público e quem sabe, tornar-se um líder em pensamento nesta comunidade, para que quando pensem em comprar os produtos e/ou serviços iguais aos que ela comercializa, ela possa estar presente em seu sharemind / top of mind pelo fato de reconhecerem nela uma liderança pelas boas contribuições e presteza com que tem se comportado. Simple like that. É assim que agimos na Pessoa Física. Vamos agir também na Jurídica.

Você chega numa festa e sai dando cartao de visitas e panfletos de sua empresa logo de cara para pessoas que acabou de conhecer, ou quem sabe escuta um pouco, entra na conversa com colocações relevantes e depois, com o desenvolvimento dos relacionamentos, sendo percebido como alguém que entende do assunto, pode vir a ser procurado para uma prestação de serviços? Pense nisto.

O estudo mostra também que ¼ das entrevistadas usam as mídias sociais para obtenção de talentos e isso é uma boa métrica, pois mostra que estas estão entendendo que se não contratarem funcionários “digitais”, com presença, networking, conhecimentos de analytics e que sejam bem vistos por seus pares, estarão andando na contra-mão do mercado e só nas mídias sociais podemos identificar essas pessoas.

Outro dado mostra uma realidade que deveria ser default na maioria mas só 17% se valem das mídias sociais para desenvolvimento de produtos. Ora, a mídia social não é O canal de relacionamento da marca com sua comunidade? Permite que a marca ouça, entenda e melhore seus produtos e serviços baseado na preferência de quem realmente decide, que é o consumidor. Então por que apenas poucas perceberam essa nuance e a grande maioria das empresas ainda se comporta como se estivesse na idade da pedra?

Agora, as desculpas….

desculpas-300x300A pesquisa aponta uma característica que nos leva a questionar o porquê algumas empresas tem tanto sucesso com a mídia social e a grande maioria não: Falta de Informação !

Mais de 50% não sabem como medir os benefícios e os resultados e eu iria mais além: elas não sabem o que medir !

As mídias sociais tornaram-se tão importantes para gerenciamento de reputação, expansão da longevidade e crescimento de receitas das empresas que muitas delas estão criando novos departamentos para cuidar dessas demandas, com criação de novos cargos executivos, como o Gerente de Comunidades, por exemplo.

Existe uma necessidade por profissionais que saibam utilizar essas ferramentas, que são os sites de mídias sociais, bem como utilizar as dezenas de ferramentas propriamente ditas para efetuar a medição dos resultados. E digo por experiência própria, vocês ficariam surpresos ao saber o nível de detalhe que essas novas ferramentas de métricas podem nos oferecer, desde o percurso do usuário em todo o processo ( como no analytics) até o sentimento dos consumidores em relação a determinado assunto ou marca.

A grande maioria alega desconhecimento do assunto e preocupações com a segurança, reforçando o que falei acima sobre falta de informações; Antigamente todo mundo desconfiava das compras online mas só em 2009 movimentamos mais de 10 Bilhões de reais no ecommerce brasileiro……imagine se confiassem.

Gente, a questão segurança avança diariamente e questões como : Vão comercializar meus dados, vão descobrir minhas senhas, vão descobrir informações sigilosas de meu negócio, etc ainda procupam, mas são questões do nosso dia a dia, desde o uso de email até navegação em seus blogs preferidos. Não se enganem: Não existe nada 100% seguro. Nem camisinha, que tem lá seus 0,000x% de erro. A sacada aqui é disponibilizar informações básicas em seus perfis e não postar as sigilosas.

E para terminar vem a burrocracia, assim mesmo, com dois r’s. Porque chega a ser inacreditável que empresas ainda se comportem como há 200 anos atras, pensando em guardar seus ‘segredos industriais”, direcionando a mensagem como se fossem um megafone, ao invés de um marketing hub, onde existem diversas vias de mão dupla.

Não participar das mídias socias por receio de que falem mal de sua empresa não irá funcionar: Eles já estão falando e cabe a vocês entrarem na conversa o quanto antes, além de ser uma ótima oportunidade para mostrar à seu público como você se comporta em situações adversas.

Enfim, percebo um horizonte enorme para profissionais de mídia social no país pois o conhecimento da importância dessas ferramentas está apenas começando a se difundir.

E vocês, como tem utilizado a mídia social em seus negócios?

Até a próxima!

6 responses on "O Uso das Mídias Sociais nas Empresas Brasileiras"

  1. Foto de perfil de Luiz Carlos Conte

    Fala Marcelo, então, 70% dos 28%. Espero ter esclarecido.

    gde abc

  2. Minha dúvida sobre essa pesquisa é que como 70% das empresas podem ter mídias sociais se apenas 28% tem um site segundo outra pesquisa.

    É fato tbm que muitos criam uma página de mídia social para dizer que tem, mas não oferecem nada de interessante para seus clientes.

    As empresas realmente precisam perceber a importância do Inbound Marketing.

    Convido a lerem o artigo:

    Marketing Online para Todos os Tamanhos

    http://www.madraint.com/2010/marketing/marketing-online-para-todos-os-tamanhos/

  3. Luiz, muito assertivo seu post, interessantíssimo como as desculpas são utilizadas em larga escala para a não adoção das novidades ESSENCIAIS à sobrevivência das empresas.

    Escrevi um pouquinho sobre isso também em http://www.mkt2go.com.br/blog/index.php/ti/midias-sociais-as-empresas-e-seus-dirigentes e logo mais devo postar mais coisas sobre o assunto.

    grande abraço,

  4. It’s awesome to see this site is finally getting the attention it really deserves! Keep up the great work.

Leave a Message

Sobre a Inbound Marketing Brasil

Consultoria Inbound Marketing no Rio de Janeiro pioneira no Inbound Marketing desde 2009, a Inbound Marketing Brasil ajuda Empresas e Agências Digitais à implementarem e obterem o máximo de resultados com inbound marketing.

Nossa Consultoria Inbound Marketing contempla desde a definição de seus personas, passando pelo desenvolvimento de estratégias até a implementação e treinamento em ferramentas de automação em inbound marketing, atendendo uma demanda crescente em serviços especializados em aumento de tráfego, leads e vendas.

Criadores da Inbound School, também desenvolvemos plataformas de cursos online para Empresas e Agencias criarem um Ambiente de Ensino à Distância para si próprias e seus clientes.

Inbound Marketing Brasil.
Não Procure. Seja Encontrado !

Certificações

Lamp

Lamp
""